top of page

+publicidade+

Conversas Maternas - Eduardo Duarte

Candidíase, redobre a atenção no verão


Candidíase

Nesta época do ano, aumenta o número de pacientes que me procuram no meu consultório com um incômodo vaginal muito grande com coceira, secreção vaginal, ardência e vermelhidão. E sabem por que isso acontece?


Pois durante o verão, com o calor, e com as férias, frequentamos mais praias, piscinas, cachoeiras. É muito frequente viajarmos nas férias com as crianças para praias, costumamos explorar nosso lindo litoral. Mas não nos damos conta que nesses momentos ficamos com a roupa úmida o dia inteiro quase.


Verão: redobre sua atenção com a candidíase

Se ficamos com a roupa úmida o dia inteiro, criamos na nossa vagina um ambiente super propenso ao crescimento de um fungo bastante conhecido e também temido por nós mulheres, chamado de Cândida.


As roupas de banho são constituídas por um tecido que ainda aumenta a umidade vaginal, abafando mais ainda e assim só agrava.


A Candidíase vulvo-vaginal causa coceira, irritação, inflamação e uma secreção vaginal esbranquiçada e com grumos, parecendo um leite talhado. Este fungo, adora se desenvolver em ambientes úmidos e quentes. O calor por si só altera o nosso pH vaginal reduzindo os nossos bacilos de defesa da flora local, facilitando também a proliferação da cândida.


Este fungo habita normalmente a nossa flora vaginal, ele existe lá, normalmente,sem dar nenhum sintoma. Só que em determinadas situações ela vai proliferar, vai crescer e vai causar todos aqueles sintomas indesejáveis (e aqui entre nós, insuportáveis).


Como evitar a Candidíase


candidíase

Certamente neste momento você está perguntando: Dra Karla, como eu faço pra evitar? É possível evitar? A resposta é sim!!!! Aqui vão algumas dicas:


  • Não fique muito tempo com biquíni molhado, ou mesmo roupa de ginástica suada.

  • Leve uma roupa seca e fresca reserva e troque no local. Se estiver na praia, vá até um restaurante, um bar e troque no banheiro.

  • A roupa deve ser com tecido leve, fresco, algodão...de preferência.

  • Prefira usar calcinhas de algodão, evite as de renda. Deixe estas apenas para momentos especiais (para namorar, ir a um médico, etc)

  • Não use calças, nem shorts ou bermudas muito justas. Roupas apertadas abafam a região. Íntima e aumentam o risco do crescimento da cândida, principalmente em dias mais quentes.

  • Não coloque suas calcinhas para secar no banheiro. O banheiro é um local muito úmido, assim elas podem não secar direito, poder ficar ainda úmidas além deste ambiente ser favorável ao crescimento da cândida. Então após higienizar suas calcinhas, coloque-as no varal para secar.

  • Cuidado também com o sabão da limpeza dela – se usar sabão de lavar roupa com muito cheiro, isso pode irritar a vagina, e favorecer o surgimento do fungo.

  • A vagina é muito sensível, cheiros e perfumes, assim como calcinhas com determinadas texturas podem alterar a imunidade local, provocar alergia e permitir com que a cândida creça e se desenvolva. Então prefira fazer a higiene local com sabonete com pH neutro, sem perfume, e de preferência líquido. Gosto muito do sabonete neutro de glicerina da Granado. Aquele amarelinho que tem a carinha de um bebê.

Candidíase e a alimentação

Outro fato importante é que nas férias, além de frequentarmos mais praia e piscina, costumamos comer mais petiscos, sorvetes, frituras, beber mais refrigerantes, sucos artificiais (de caixinhas também), e bebidas alcoólicas. E isso leva a alteração do pH local e da flora, alterando e diminuindo as defesas vaginais.


Apesar dos sintomas serem muito intensos, fique tranquila que tem tratamento. Entre em contato com seu ginecologista que ele vai determinar a medicação correta e adequada para o seu caso.


Espero que estas dicas te ajudem a cutir muito este verão e aproveitar suas férias da melhor forma possível, sem surpresinhas inesperadas.


Um grande abraço


Dra Karla Uchôa é médica, especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela FEFRASGO, mestre em medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Pós graduação em medicina estética e tricologia, com atuaçao em cosmiatria ginecológica.






Posts recentes

Ver tudo
Conversas Maternas
  • Twitter
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
  • LinkedIn
Grupo de mães

Deixe seu email pra receber mais dicas!

Seja bem-vindo!

Grupo de mães
bottom of page